Cientistas acusam muita discussão e pouca ação na crise hídrica

Universidade, Ciência e Ambiente

Trecho do reservatório Cachoeira, do sistema Cantareira. Imagem: Maurício Tuffani/Folhapress Trecho do reservatório Cachoeira, do sistema Cantareira. Imagem: Maurício Tuffani/Folhapress/28.out.2014

Assinada por 15 cientistas reunidos na capital Paulista no final de novembro e divulgada na semana passada, a “Carta de São Paulo” alerta que há “muita discussão e pouca ação” por parte de órgãos municipais, estaduais e federais em face da ameaça à segurança hídrica da população da região Sudeste, especialmente da Região Metropolitana de São Paulo, do interior de Minas Gerais e do Estado do Rio de Janeiro.

Mais informações em meu blog na Folha de S. Paulo.

Ver o post original

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s